Os benefícios da Acupuntura! Por Mauricio C. Pellegrini

Os benefícios da Acupuntura! Por Mauricio C. Pellegrini

Falar sobre o que a técnica da Acupuntura pode trazer de Benefícios à Vida, abre um pouco o “leque” de opções, mas seremos sucintos aqui para resgatar um pouco da amplitude e da grandeza da Acupuntura, ainda desconhecida por muitos.

Repare que eu destaquei “Benefícios à Vida” pois sim, não se atem apenas à Vida Humana, mas também conhecidamente atua no resgate da saúde dos animais, com a chamada Acupuntura Veterinária. Ao mesmo tempo, os benefícios se estendem além apenas da saúde do Ser Humano, quando este, ao tomar conhecimento ou receber orientações de um bom Acupunturista, vai reaprender mais sobre as Leis Imutáveis da Vida e porque é essencial alinhar-se com estas Leis, transformando literalmente a Vida para muito melhor ao fazê-lo.

Assim, os conhecimentos que abrangem a técnica da Acupuntura, dentro da Medicina Chinesa, buscam e trazem uma Conscientização de Vida e do Mundo em que você vive, especialmente de sua interação com o mesmo, que é intrínseca, ou seja, você estando consciente ou não disso, ela acontece! E quanto mais consciente deste processo e mais alinhado, ou conectado a ele, mais benefícios vai ter para sua Vida. Exemplo: as chamadas ‘estações do ano’ em nosso mundo. Elas acontecem independente de qualquer crença ou consciência. É uma Lei da Vida como a conhecemos aqui, o Sol vai surgir e ir, a Lua então chegará e partirá… desde básico, os sábios antigos foram observando que tudo na Vida manifesta possui um ciclo bem definido e integrado e quando respeitamos e fluímos junto com estes ciclos, todos os benefícios aumentam. Os animais na natureza fazem isso. Quando é inverno, todos se recolhem e armazenam, se preparam antes para tal momento. Quando é verão todos saem mais e se movimentam mais. Yin, Yang. Outra Lei da Vida. E também um Fundamento da Medicina Chinesa.

Costumo dizer aos meus alunos “Medicina Chinesa é a própria Vida”! É a Medicina mais antiga e bem documentada, e não ‘pertence’, em verdade, a nenhum país ou nacionalidade, pois remonta à época em que sequer fronteiras (tampouco países) existiam! É um legado da Humanidade sendo resgatado!  Dá para ter uma ideia pequena da grandiosidade deste conhecimento?  Muito não fazem. Acham que Acupuntura é somente “espetar agulhas” … Não, não mesmo… este é o último ato apenas, visando corrigir fluxo de qì – e assim do sangue e demais líquidos, e assim do funcionamento adequado dos órgãos e vísceras, e assim da saúde física e psicológica do ser… Pois tudo está interligado, e muito bem explicado.

Mas não é o momento aqui de descrever a Fisiologia da Acupuntura. Vale apenas frisar que as agulhas específicas da prática da Acupuntura atuam numa estrutura do corpo esquecida pela fisiologia ocidental – os canais (Jing) e suas conexões (Luo), que são de alguns tipos em funções específicas. Nestes canais passam, essencialmente, Qì e Sangue, não somente nos vasos sanguíneos, linfáticos… sendo outra estrutura que não são nervos, nem tendões…, mas está sim, interconectado com todas estas e todo o organismo humano…  Este conhecimento também é verdadeiro quando olhamos para a própria Vida externa, para a Natureza e seu assim chamado “ecossistema” … Da mesma forma, por fim, a Medicina Chinesa sabe, estuda e elucida a conexão dos organismos com esta Vida “externa” e na verdade faz parte de nós e interage conosco! Por isso, uma estação do ano em suas mudanças, mexem com nossos corpos, do físico ao psicológico, e se não soubermos nos movimentar de acordo com esta “dança da Vida”, vamos cair… e os danos à saúde chegam… os danos à Vida chegam. Inverno é extremo Yin, de recolhimento, armazenamento, descanso, reflexão, meditação, voltar-se para dentro, ao espiritual… Verão é outro extremo, Yang, função, expansão, movimento, expressão, exercitar-se, desenvolver-se… Claro que não significa que não possa fazer atividades no inverno ou descansar no verão, mas você dará prioridade às característica daquela estação daquele Movimento, dentro dos Cinco Movimentos (Wu Xing) outro Fundamento da Medicina Chinesa, e assim, da Acupuntura, e da própria Vida.  Percebe?

Apenas citamos um exemplo, mas podemos aplicar isto para toda a Vida manifesta! Desta forma, como mensurar os benefícios da Acupuntura?  Em termos práticos, a OMS (Organização Mundial de Saúde) lista uma série de doenças que a Acupuntura é eficaz, porém mesmo com a grande lista, é um limitador da mesma forma grande… A Acupuntura em todo o seu trabalho, pode tratar, curar e prevenir qualquer tipo de doença! Sim, isso mesmo! Claro que doenças mais sérias em estágios avançados fica muito difícil e em determinados momentos, a técnica da Acupuntura não será a melhor, por isso vale-se a Medicina Chinesa de outras técnicas. Mas o conhecimento intrínseco desta arte, quando aplicados na vida, vai certamente contribuir em muito para o resgate da boa saúde do ser. Outrossim, na grandiosa maioria dos casos, a intervenção com as técnicas da Acupuntura tem sido de grande auxílio na resolução de doenças tidas como “incuráveis” pelo ocidental, por exemplo, como Parkinson, Alzheimer, “Aids”, e até casos de Câncer, todos os quais já presenciei pessoalmente diversos resultados, só para citar os mais conhecidos… já resolvemos também Síndrome de Crohn, por exemplo… e isto não sou eu, mas a literatura milenar da Medicina Chinesa que atesta e não se limita a nada. Temos muito ainda a conhecer de todo o potencial e todos os benefícios que esta técnica milenar pode nos oferecer. Vamos juntos neste belíssimo resgate?  😊  

Fechar Menu