Os Florais ainda são Subestimados? Por Maurício C. Pellegrini

Os Florais ainda são Subestimados? Por Maurício C. Pellegrini

Sim, infelizmente é o que observamos ao longo destes anos de prática clínica. Poucos são os que sabem da profundidade do completo trabalho que os florais – especialmente os originais de Bach – realizam no Ser.

Talvez justamente por esta profundidade do trabalho muitos fogem do mesmo, na maioria das vezes inconscientemente? Talvez porque fomos acostumados a dar mais valor ao corpo físico do que aos corpos sutis (mental, emocional, espiritual)?

Talvez porque acham a maioria que os florais só atuam para o emocional e mental, ou como um “acalmantezinho”? Bem provável que seja tudo isso e mais. Um exemplo disso é na hora de toma-los. Realizamos o diagnóstico, encaminhamos a fórmula atual para o paciente, e normalmente orienta-se tomar 4 gotas sublinguais 4 vezes ao dia. Pois bem, parecem muitas vezes pra lembrar não?

Mas se um médico te prescrever um antibiótico pra tomar de 8 em 8 horas, ou seja, 3 vezes ao dia, você até acorda bem cedo pra toma-lo e não esquece, não é mesmo? Tudo depende da importância e relevância que você dá a um trabalho. Tudo depende das prioridades que você dá.

Um outro “medidor” de prioridade que fomos mal acostumados a dar mais importância é a DOR… Quando você – e muitas vezes tão somente – tem alguma dor é que você vai procurar se tratar e leva mais a sério o tratamento. E falo mais da dor física, porque para geralmente se dar importância a uma angústia ou depressão ou ansiedade ou medo ou irritabilidade, etc. é quando está afetando o seu cotidiano ou já afetando o físico, não é assim?

Esquecemos que tudo – absolutamente tudo – na vida acontece de dentro para fora… de uma ideia pra uma manifestação… da semente para a árvore e frutos… Quando acontece o inverso é consumo, destruição, que pode também fazer parte de um ciclo, ou ciclos da existência. Mas tudo que é a favor da vida acontece do sutil ao denso, de dentro para fora.

Ora, assim deveríamos saber olhando para nós que o corpo físico é a última manifestação! E que antes tudo acontece nos corpos sutis! Por isso se os trabalharmos, purificarmos, alinharmos estes – mental, emocional, espiritual – o físico não será afetado! Podemos dizer assim que todas as doenças acontecem de dentro pra fora?

Não! Lembremos que existe o de fora pra dentro que nos consome, agride, causa destruição – fatores climáticos e ambientais inadequados, excesso ou falta de atividades físicas, sexuais, alimentação (inclui hidratação) inadequada, pestilências, etc. Mas estes últimos fatores citados são circunstanciais e facilmente evitados com um pouco de atenção e disciplina após ter consciência disso certo?

Agora nosso mundo interno e sutil movimenta-se o tempo todo! E sequer damos atenção a isso! Não damos atenção para a mente, tampouco descansá-la! Emocional, espiritual… E conhecer a relação desse mundo sutil de cada Ser com as doenças físicas ou não, e as más consequências em sua vida como um todo, é o que os Florais realizam!

Um bom profissional de Florais de Bach por exemplo, vai te orientar passo a passo neste processo de Conscientização onde você vai percebendo por si as mudanças e diferenças. Vão “caindo fichas” de onde vieram seus sofrimentos e desconfortos atuais e quais aprendizados valiosos destes acontecimentos!

Somente assim vidas são transformadas para muito melhor! Isso é cuidar da raiz da árvore ou das causas de todos os males que sofremos. Percebe um pouco da profundidade e amplitude e integralidade deste trabalho? É este ponto que quero destacar neste artigo.

Procure saber mais sobre os Florais do Dr. Bach, que o aplicava em seus pacientes no Hospital em que trabalhava em Londres, para todos tipos de doenças com excelentes resultados. Eu mesmo já vi e vivi inúmeros resultados positivos, e continuo vivendo. Pois viver é um constante aprendizado. E os Florais de Bach facilitam e auxiliam muito nessa jornada.

Leve mais a sério seu mundo sutil, a raiz de sua árvore, perceba-se mais, ame-se mais, e onde houver dificuldades, porque não contar com este prático, simples e maravilhoso auxiliar – que são os Florais de Bach – para vence-las? Porém, quando iniciar um trabalho com os Florais, leve a sério da mesma forma, pois é da sua vida e da sua felicidade que estamos falando.

Lembro agora e finalizo com uma das célebres frases do Dr. Edward Bach: “We can judge our health by our happiness.” (“Nós podemos julgar nossa saúde pela nossa felicidade.”).

Fechar Menu