Saiba o que são as PICS, para que servem e onde podem ser encontradas.

Saiba o que são as PICS, para que servem e onde podem ser encontradas.

O Ministério da Saúde, dentro de suas atribuições, identificou há alguns anos a necessidade de ampliar o acesso à população brasileira às PICS – Práticas Integradas e Complementares da Saúde, que são assim definidas no site desse Ministério:

“As Práticas Integrativas e Complementares (PICS) são tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais, voltados para prevenir diversas doenças como depressão e hipertensão. Em alguns casos, também podem ser usadas como tratamentos paliativos em algumas doenças crônicas.

Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece, de forma integral e gratuita, 29 procedimentos de Práticas Integrativas e Complementares (PICS) à população. Os atendimentos começam na Atenção Básica, principal porta de entrada para o SUS.

Evidências científicas têm mostrado os benefícios do tratamento integrado entre medicina convencional e práticas integrativas e complementares. Além disso, há crescente número de profissionais capacitados e habilitados e maior valorização dos conhecimentos tradicionais de onde se originam grande parte dessas práticas.”

Esse reconhecimento do conhecimento tradicional como aliado à prevenção de doenças e melhora da saúde geral da população é, de fato, um grande alento para um sistema público de saúde já saturado e cujos recursos são muitas vezes dispersos em iniciativas pouco produtivas.

A população ganha com isso o acesso à técnicas e tratamentos as quais, por falta de recursos ou até mesmo por falta de conhecimento de sua existência, não teria acesso facilitado.

Essa iniciativa tem enfrentado séria oposição por parte de representantes de profissões corporativistas ligadas à área da Saúde, que temem que a população deixe de procurar seus profissionais ao obterem sucesso com o uso de tais práticas. No entanto, o próprio Ministério da Saúde explica em seu site:

“IMPORTANTE: As Práticas Integrativas e Complementares não substituem o tratamento tradicional. Elas são um adicional, um complemento no tratamento e indicadas por profissionais específicos conforme as necessidades de cada caso.”

Assim, com a adoção dessa política, ganha a população, ganha o país. Dentre as PICS, figura a Medicina Chinesa – Acupuntura, que é importante aliada nesse projeto, ao trazer o conhecimento milenar do povo chinês para a realidade do povo brasileiro. Somos totalmente favoráveis a essa política, e esperamos que seja cada vez mais ampliada em todo o território nacional.

Para mais infirmações sobre as PICS, inclusive onde são oferecidas através do SUS – Sistema Único de Saúde, acesse o site do Ministério da Saúde:
http://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/praticas-integrativas-e-complementares

Fechar Menu